Home arrow Cordel Infantil arrow Vida dura de bebê

Vida dura de bebê

PDF Imprimir E-mail

O meu nome é Guilherme

Tenho três meses de idade

Sou um bebê muito alegre

Isso também é verdade

E só alguém como eu

É que conhece a verdade

 

Vou contar pra todo mundo

Pra que se possa entender

O que passa na cabeça

De um bebê que ao nascer

Conhece as obrigações

Necessárias pra crescer

 

Não pensem que é coisa fácil

Ser bebê não é moleza

É sabido que não só

A beleza que põe mesa

E às vezes boas caretas

São preciso com certeza

 

Resmungar fazer beicinho

Quase ninguém acredita

Mas faz parte do charminho

Pra agradar a visita

E um sorrisinho banguela

Deixa os bebês bem na fita

 

Quando sinto muita fome

Começo logo a chorar

E rapidinho a mamãe

Me coloca pra mamar

E uma vez barriga cheia

Chega a hora de arrotar

 

E não para por aí

É muito trabalho duro

Um bebê esperto sabe

Que não se pode dar furo

Cresço logo pro papai

Se preocupar com o futuro

 

E o que vou dizer agora

Parece até coisa feia

Mas bebê que é bebê

Essa regra na receia

Pra alegria dos papais

Deixar sempre a frauda cheia

 

Tudo isso pra mostrar

Aos adultos nesse instante

Que todo amor e carinho

Pro bebê nunca é o bastante

Mamá, pum, coco, soninho

Veja que vida estressante!

 
< Anterior   Próximo >

Powered by NIBA