Home arrow Poesia de Cordel arrow Vida que anda

Vida que anda

PDF Imprimir E-mail

Na fila vida que anda

Nem tudo cabe ao destino

E o tempo roda em ciranda

Girando feito um menino

De um lado canta o diabo

De outro acena o divino

 
< Anterior   Próximo >

Powered by NIBA