Home arrow Poesia de Cordel arrow Ser ou não ser

Ser ou não ser

PDF Imprimir E-mail

Não me resta ser se não
Ser tão quanto tenho sido
Dividido, duvidoso
Ocioso, enfurecido
Mas sem perder a pequena
Fé que diz valer a pena
Ser em todos os sentidos

 
< Anterior   Próximo >

Powered by NIBA