Home arrow Poesia de Cordel arrow O Mestre e suas Facetas

O Mestre e suas Facetas

PDF Imprimir E-mail

Se você quiser correr

Seja pra se exercitar

Se profissionalizar

Pra dessa forma vencer

E até mesmo um dia ser

O Usain Bolt brasileiro

Precisa um tiro certeiro

Corra sempre em linha reta

Lendo a obra do poeta

Paulo Roberto monteiro

 

Mas se aquilo que te importa

É um cantinho lá na roça

Bem no meio da palhoça

Fazer nascer uma horta

Pra sorte bater a porta

Lhe trazendo algum dinheiro

Peço que plante primeiro

Uma semente correta

Lendo a obra do poeta

Paulo Roberto Monteiro

 

Pode tentar outra tática

Se o sonho for diferente

E o que te deixe contente

Seja exercer a prática

Do estudo da matemática

Pra se tornar um banqueiro

Ou até mesmo um bicheiro

Basta traçar uma meta

Lendo a obra do poeta

Paulo Roberto Monteiro

 

Se com todo seu empenho

Vai jogar o seu coringa

Investir alto na pinga

Construindo um bom engenho

É só seguir o desenho

Seja um produtor caseiro

E alimente os cachaceiros

De maneira mais completa

Lendo a obra do poeta

Paulo Roberto Monteiro

 

Mas se assunto é amizade

Ande logo não se perca

Construa logo uma cerca

Com mourões de honestidade

Arame e sinceridade

E um saco de sal inteiro

Quer amigos verdadeiros?

Saiba a fórmula secreta

Lendo a obra do poeta

Paulo Roberto Monteiro

 

(Esse cordel é uma homenagem ao poeta Paulo Monteiro, vulgo Poeta do Mato a quem esse cordelista amigo deve muito por sua amizade e companheirismo. Nada melhor que usar uma poesia de cordel para descrever um pouco da sua versatilidade e sabedoria)  

 
< Anterior   Próximo >

Powered by NIBA